Raios danificam 290 equipamentos em Três Lagoas durante temporais

 

Se for constatada queima por descarga elétrica, consumidor tem direito ao ressarcimento de prejuízo pela concessionária;

 

03/03/2018

 

 

Os temporais são frequentes nesta época do ano e trazem outra grande ameaça: os raios. A incidência no verão é alta e as descargas elétricas, quando atingem a rede de energia ou antenas podem danificar aparelhos eletroeletrônicos. Em Três Lagoas, por exemplo, 290 equipamentos foram queimados em um período de 14 meses – entre janeiro de 2017 a fevereiro de 2018.

O número corresponde  à média de 20,7 ocorrências registradas na Elektro, concessionária de energia responsável pelo fornecimento no município. Dependendo dos danos causados, consumidores podem ser indenizados. O motorista Rodrigo Gonçalves, de 33 anos, teve um roteador de internet e a televisão queimados por quedas de energia provocadas por raios. Ele conta que procurou a concessionária e foi verificado por técnicos da empresa que houve ocorrência na rede elétrica.

Assim como ele, outros 40 consumidores – do total de 290 – tiveram os pedidos de ressarcimento deferidos pela Elektro. Já outros 41 ainda aguardam por análise ou apresentaram alguma pendência na documentação. No entanto, a quantidade de registros indeferidos pela empresa é bem maior: 208. Nesses casos, não foram constatados falhas ocasionados pela companhia da elétrica e os pedidos indeferidos.

O Programa de Defesa e Proteção ao Consumidor (Procon), de Três Lagoas, informou que a pessoa que se sentir lesada tem 90 dias para comunicar à concessionária sobre equipamentos danificados. Um técnico irá analisar os aparelhos e, se constatados os problemas, a empresa irá indicar uma loja ou assistência para fazer os reparos. Caso o problema não seja resolvido, a pessoa poderá recorrer ao Procon.

Neste ano, a Elektro recebeu 40 pedidos de ressarcimento. Dois foram deferidos, 16 estão em andamento e 22 indeferidos. Em 2017, houve 250 ocorrências de equipamentos queimados e 39 pessoas foram ressarcidas; 25 ainda esperam por decisão e 186 tiveram pedidos negados.

RAIOS
Durante as chuvas de janeiro e fevereiro, houve quase 7 mil raios, segundo a faculdade Uniderp, ligada ao Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). No dia 28 de fevereiro ocorreram 1.695 descargas elétricas e no mês inteiro: 4.615.

Dados do instituto revelam que caem 35 mil raios por ano em Três Lagoas.

Fonte: JP NEWS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *